terça-feira, 31 de março de 2020

EM QUARENTENA


EM QUARENTENA

Oh vírus malquisto
és uma maldição e
pareces o anticristo.

Podes vir do acaso, chegar aqui ou não,
ser russo, cowboy ou chinês
e podes mesmo estar aí à porta
para nos derrubar de vez.
Espalhas o terror mesmo de quarentena
e com o manto da morte,
matas quem tem menos sorte
e quem nos deixa mais pena

Violaste fronteiras qual assombração
para meter medo a esta nobre Nação,
que já esteve em todo o Mundo.
Vade retro, oh vírus maldito, a nossa resiliência
vai vencer-te como o fizemos no mar profundo.

31/03/2020



Sem comentários:

Publicar um comentário

Os comentários serão publicados após análise do autor do blogue.